Eduardo Paes é confirmado como potencial candidato do PMDB ao governo do RJ

  • Por Jovem Pan
  • 05/10/2017 07h05 - Atualizado em 05/10/2017 11h45
Tânia Rêgo/Agência BrasilPicciani disse que foi procurado por Paes em sua casa para se colocar à disposição do partido em 2018

Mais um para a corrida estadual de 2018. É o ex-prefeito da Capital, Eduardo Paes, do PMDB. O nome dele foi confirmado como potencial candidato do partido à sucessão de Luiz Fernando Pezão pelo cacique do PMDB do Rio, Jorge Picciani, que retomou às atividades legislativas nesta quarta-feira (04), depois de uma licença para se tratar de um câncer.

Picciani disse que foi procurado por Paes em sua casa para se colocar à disposição do partido em 2018. O ex-prefeito Eduardo Paes mora e trabalha atualmente nos Estados Unidos e está trabalhando no Banco Interamericano e para uma empresa de energia renovável. Ele é apenas mais um nome nesta longa lista de candidatos.

Há quem diga até que o prefeito Marcelo Crivella tente a vaga para o Palácio Guanabara. Outros nomes são: Anthony Garotinho, César Maia (DEM), Romário, Bernardinho.

Picciani disse ainda a interlocutores que gostaria de ver o PMDB com candidaturas própria na eleição presidencial em 2018. Tem simpatia pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e enxerga nele uma pessoa experiente e bom administrador. Ele chegou a cogitar a possibilidade de convencer Alckmin a deixar o PSDB e ir para o PMDB caso os tucanos escolham João Doria para a corrida presidencial.

*Informações do repórter Rodrigo Viga