Em evento, Lula diz que Haddad vai vencer disputa ao governo de SP em 2022

Petista participou do Natal dos Catadores e aproveitou para criticar o governo de Jair Bolsonaro e as candidaturas de Sergio Moro e Deltan Dallagnol: ‘Vamos dar uma surra neles’

  • Por Jovem Pan
  • 23/12/2021 06h38 - Atualizado em 23/12/2021 12h11
WERTHER SANTANA/ESTADÃO CONTEÚDO Lula durante jantar do grupo Prerrogativas, em São Paulo, neste domingo, 19 Luiz Inácio Lula da Silva fez um aceno público ao ex-ministro da Educação, Fernando Haddad, cotado para disputar o governo do Estado em 2022

Durante o Natal dos Catadores, nesta quarta-feira, 22, em São Paulo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez um aceno público ao ex-ministro da Educação, Fernando Haddad, cotado para disputar o governo do Estado em 2022. “Se você pensa em políticas sociais foi no nosso governo e a gente vai voltar para fazer mais. Não sei se você está percebendo que você vai ganhar o governo do Estado de São Paulo“, afirmou. Em tom de comício, Haddad também discursou no evento. “Esse negócio de Bolso-Doria deu muito errado, muito errado. Nem Bolso, nem Doria”, disse. Lula aproveitou o encontro para criticar o governo do presidente Jair Bolsonaro. “É um presidente que mente cinco vezes por dia. Agora deve estar mentindo mais, porque ele está caindo nas pesquisas. Ele acha que a mentira vai fazer ele crescer, a mentira vai fazer ele afundar. E não adianta criar caso que ‘não vai sair’. Vai sair de mansinho, porque é o povo brasileiro que vai dar um golpe nele e vai tirar ele da presidência da República”, disse o petista, que também atacou o ex-juiz Sergio Moro e o procurador Deltan Dallagnol. “Político era tudo ladrão e essa gente virou agora tudo político. Engraçado, todos eles viraram políticos. Mas nós vamos dar uma surra neles, que eles não têm noção”, completou.

*Com informações do repórter Fernando Martins