Em meio a grandes desafios, ONU completa 75 anos neste sábado

Representantes de 51 países fundaram a organização em 24 de outubro de 1945; o objetivo era preservar a pez entre as nações

  • Por Jovem Pan
  • 24/10/2020 15h11 - Atualizado em 24/10/2020 15h12
DivulgaçãoAlém da pandemia, a ONU precisa lidar com os ataques e ameaças de líderes como presidente Donald Trump

A Organização das Nações Unidas (ONU) completa 75 enfrentando grandes desafios. Além da pandemia, a ONU precisa lidar com os ataques e ameaças de líderes como presidente Donald Trump. Os Estados Unidos são o país que mais contribui com a ONU, ao todos são 193 países membros que pagam algum valor para a organização, mas os americanos são responsáveis por cerca de 22% do orçamento. Em meio à pandemia, o presidente norte-americano anunciou a saída da Organização Mundial de Saúde (OMS), agência especializada da ONU. Trump acusa o órgão de não fazer o suficiente em relação à pandemia e diz que a agência é controlada pela China, o que a OMS e o país chinês negam.

Mas essa não foi a primeira saída dos EUA de uma agência da ONU no governo Trump. Em 2017, o país anunciou sua retirada na Unesco, Organização das Nações Unidas para educação, ciência e cultura. Na época, o departamento de Estado afirmou que a saída aconteceria por pagamentos em atraso, necessidades de reformas e um viés contra Israel. Em 2018, os americanos anunciaram a retirado do Conselho de Direito Humanos da ONU, também acusando o conselho de ser contra Israel. No discurso marcando os 75 anos da ONU, a embaixadora que representa os Estados Unidos na organização, Cherith Norman, disse que o governo Trump considera esse aniversário um momento importante pra marcar as conquistas da ONU, mas é preciso faz isso com olhos abertos. Ela também disse que a organização está muito vulnerável e precisa de agilidade para lidar com novas ameaças, como o roubo de propriedade intelectual.

Em ano de eleição, claro, o assunto virou tema de disputa política. O candidato democrata Joe Biden já disse que se for eleito vai colocar os Estados Unidos de volta na OMS no primeiro dia de mandato. Representantes de 51 países, incluindo o Brasil, fundaram a ONU oficialmente em 24 de outubro de 1945 com o objetivo de preservar a pez entre as nações. O mundo tinha acabado de sair da Segunda Guerra Mundial. Hoje, alguns dos principais órgãos da ONU são a Assembleia-Geral, em que participam todos os 193 países, o Conselho de Segurança com 15 membros, que pode autorizar a imposição de sanções ou uso de força para manter a paz e o Conselho Econômico e Social, do qual participam 54 países com o objetivo de pensar em desenvolvimento sustentável.

*Com informações da repórter Mariana Janjácomo