Empresa italiana inaugura, na Bahia e no Piauí, dois grandes parques de energia solar

  • Por Jovem Pan
  • 19/09/2017 07h46 - Atualizado em 19/09/2017 10h49
Divulgação/Antonio Pinheiro O parque de Ituverava, fica no município de Tabocas do Brejo Velho, na Bahia, e reúne cerca de 850 mil painéis solares em uma área de 579 hectares

Os dois maiores parques solares da América do Sul estão no Brasil. A Enel Green Power Brasil Participações, controlada pela empresa italiana Enel, iniciou a produção de energia solar em duas usinas, localizadas na Bahia e no Piauí.

O parque de Ituverava, fica no município de Tabocas do Brejo Velho, na Bahia, e reúne cerca de 850 mil painéis solares em uma área de 579 hectares, com capacidade de produção de 254 Mega-watts.

Já o parque Nova Olinda, situado na cidade de Ribeira do Piauí, tem 930 mil placas solares espalhadas em 690 hectares, podendo produzir até 292 Mega-watts.

O professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro e especialista em energia, Nivalde de Castro, destacou a importância dos novos parques para as regiões onde foram instaladas e para o País: “é um fato histórico serem inaugurados dois parques com quase 700 Mega-watts. Energia suficiente para abastecer 570 mil casas com consumo médio. E talvez o mais importante é que eles são construídos em regiões cuja atividade econômica é muito baixa”.

Nivalde de Castro ressaltou ainda a importância do desenvolvimento da cadeia produtiva, que leva à queda no custo de investimentos.

A produção das duas usinas será vendida por meio de um contrato de fornecimento de 20 anos entre a Enel e a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica do Brasil. O investimento levará a produção de mais de 1150 Giga Watts hora por ano, evitando a emissão de 318 mil toneladas de CO2.

*Informações do repórter Matheus Meirelles