Estados Unidos proíbem viagens em grupo pra Cuba

  • Por Jovem Pan
  • 05/06/2019 06h48
PixabayDesde a sua posse, em janeiro de 2017, Trump já tinha proibido visitas individuais e limitado as trocas comerciais com Cuba

O governo dos Estados Unidos impôs novas restrições para cidadãos americanos que querem viajar para Cuba.

O Departamento do Tesouro americano anunciou que as viagens educacionais e culturais em grupo não serão mais permitidas.

Antes mesmo dos americanos restabelecerem relações formais com o governo comunista, em dezembro de 2014, milhares de cidadãos americanos foram para a ilha caribenha em grupos.

O fim dessas viagens educacionais em grupo vai ser, com certeza, um duro golpe para o turismo na ilha, que decolou com as iniciativas tomadas durante o governo de Barack Obama.

O Tesouro também anunciou o veto à exportação de barcos e aviões particulares dos EUA para Cuba.

O secretário do Tesouro dos EUA, Steven Mnuchin disse que a decisão é estratégica e vai ajudar a manter os dólares americanos fora do alcance dos serviços militares, de Inteligência e de segurança cubanos

Os Estados Unidos aplicam desde 1962 um bloqueio econômico contra Cuba, com o objetivo de forçar uma mudança de regime na ilha.

O anúncio desta terça evidencia a mudança de rumo da política externa americana em relação a Cuba com a chegada do republicano Donald Trump ao poder.

Desde a sua posse, em janeiro de 2017, Trump já tinha proibido visitas individuais e limitado as trocas comerciais com o país.

*Com informações do repórter Victor Moraes