‘Estamos conversando com todas as forças que queiram conter a barbárie’, diz Haddad

  • Por Jovem Pan
  • 11/10/2018 06h31 - Atualizado em 11/10/2018 10h17
Tiago Queiroz/Estadão Conteúdo"Temos que botar um fim no que está acontecendo”, disse o candidato do PT

O candidato do PT à presidência da República iniciou tratativas com o intuito de costurar alianças neste segundo turno. Fernando Haddad corre contra o tempo, disse estar otimista com os apoios que tem recebido e incluiu neste rol a visita de tucanos.

O petista apontou que uma fatia do PSDB demonstrou preocupação com o cenário atual. “Estamos paulatinamente recebendo apoios. Hoje tive a felicidade de receber em minha residência integrantes do PSDB. Não estou autorizado a divulgar, mas já entregaram carta de apoio e querendo propor mediação para conter escalada da violência no País”, disse.

Haddad disse estar apreensivo com a escalada da violência no país: “estamos conversando com todas as forças que queiram conter a barbárie que está em escalada no País. Temos que botar um fim no que está acontecendo”.

O candidato do PT à Presidência da República que recebeu apoio de centrais sindicais, pretende conversar também com o MDB.

Confira a cobertura completa das Eleições 2018

*Informações do repórter Daniel Lian