EUA pede fim de provocações e cobra volta de Pyongyang à mesa de negociações

  • Por Jovem Pan
  • 26/07/2019 09h02
EFEEssa é a primeira vez que os norte-coreanos fazem testes balísticos desde que Donald Trump e Kim Jong-un se encontraram em junho

Os Estados Unidos exigiram que a Coreia do Norte acabasse com as provocações depois que o país comunista lançou dois mísseis de curto alcance nesta quinta-feira (25). De acordo com o comunicado emitido pelo Departamento de Estado americano, a Casa Branca ainda espera pela continuidade do programa norte-coreano de desnuclearização.

De acordo com o Conselho de Segurança da Coreia do Sul, os projéteis foram disparados da cidade Wonsan, localizada à costa leste do país vizinho. O órgão não pôde identificar os modelos dos mísseis mas os classificou como uma potencial ameaça à integridade da península. Eles viajaram por cerca de 430 quilômetros sobre o mar do Japão.

O ministério da Defesa sul-coreano reiterou a exigência americana, defendendo o fim dos experimentos balísticos. Esse é o segundo teste feito pela Coreia do Norte em dois meses. Em maio, o país disparou outros dois mísseis de alcance semelhante.

Essa é a primeira vez que os norte-coreanos fazem testes balísticos desde que o presidente americano, Donald Trump, e o líder comunista Kim Jong-un se encontraram na zona desmilitarizada entre as duas Coreias em junho.

No encontro, as lideranças se comprometeram a promover novas rodadas de negociações, mas, desde então, a Coreia do Norte vem criticando os exercícios militares americanos feitos na Coreia do Sul.

*Com informações do repórter Renan Porto