Flávio Bolsonaro deve ser ouvido nesta segunda sobre suposto vazamento da PF

Em maio, o ex-aliado do governo e empresário Paulo Marinho disse em entrevista que Flávio foi avisado previamente sobre a Operação Furna da Onça

  • Por Jovem Pan
  • 20/07/2020 06h37
Agência SenadoDe acordo com Marinho, o próprio Flávio Bolsonaro contou que um delegado da Polícia Federal o avisou das investigações pouco depois do primeiro turno das eleições presidenciais

Um mês depois de ser intimado, o senador Flávio Bolsonaro vai prestar depoimento nesta segunda-feira (20) em Brasília. Ele será ouvido na condição de testemunha sobre os supostos vazamentos da Operação Furna da Onça. Em maio, o ex-aliado do governo e empresário Paulo Marinho, do PSDB, disse em entrevista à Folha de São Paulo que Flávio foi avisado previamente sobre a operação. A investigação trouxe à tona as movimentações atípicas na conta do ex-assessor do parlamentar Fabrício Queiroz.

De acordo com Marinho, o próprio Flávio Bolsonaro contou que um delegado da Polícia Federal o avisou das investigações pouco depois do primeiro turno das eleições presidenciais. Esse mesmo delegado teria dito, ainda segundo o empresário, os investigadores adiariam a operação para não prejudicar a disputa de Bolsonaro à presidência no segundo turno. Na época, Flávio disse que a acusação era uma invenção e que o empresário queria prejudicá-lo, uma vez que ele é suplente do senador. Em nota, a assessoria de Flávio informou que o senador marcou a data do depoimento para que, abre aspas, “a verdade seja restaurada o mais rápido possível”.

*Com informações da repórter Nicole Fusco