Garotinho é condenado à prisão, mas poderá converter pena em serviços sociais

  • Por Jovem Pan
  • 20/06/2018 07h05
Renato Araújo/ABrInicialmente, Garotinho deve cumprir carga semanal de 7 horas em uma entidade a ser definida, além disso, deverá pagar R$ 50 mil em multa

Anthony Garotinho é condenado à prisão pela Justiça do Rio de Janeiro, mas vai poder converter a pena em serviços sociais.

O Tribunal de Justiça condenou nesta terça-feira (19) o ex-governador a uma pena de um ano e quatro meses de reclusão por crimes de calúnia e difamação contra o ex-policial do BOPE Rodrigo Pimentel.

O ex-policial foi uma espécie de referência do filme Tropa de Elite, aquele que falava da relação da polícia do Rj com a sociedade e com os políticos. Em seu blog, em 2013, o ex-governador disse que o “Capitão Nascimento” fora desligado do BOPE por ter feito xixi nas calças durante uma operação, mas Garotinho conseguiu converter a detenção em serviços sociais.

Inicialmente, Garotinho deve cumprir carga semanal de 7 horas em uma entidade a ser definida, além disso, deverá pagar R$ 50 mil em multa e recursos serão revertidos ao Instituto Nacional do Câncer.

*Informações do repórter Rodrigo Viga