Gestão Doria quer publicar edital de retomada do Rodoanel em março

  • Por Jovem Pan
  • 17/02/2020 06h17
Governo do Estado de SP/Eduardo Saraiva/A2IMGPrevisão de entrega do trecho norte do Rodoanel era 2016

O Estado de São Paulo pretende publicar no final de março, o edital de conclusão das obras do Rodoanel. O trecho Norte está paralisado desde 2018, com 87% dos trabalhos previstos. O secretário de Logística e Transportes, João Octaviano programa uma audiência pública no início do próximo mês, antes de lançar o edital.

“Serão licitados os seis lotes, exatamente os seis lotes, como o projeto original. Esses lotes vão então obedecer esse regramento técnico, e com isso nós vamos conseguir retomar cada uma das obras. Têm lotes mais avançados, menos avançados, com isso vamos conseguir obviamente ter um bom resultado”.

O estado contratou o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) em junho do ano passado para análise das construções. O PT constatou 1.291, das quais 59 consideradas graves. Colunas de pontes tortas, rupturas, erosão de encostas e túnel com água não drenada e falhas no revestimento. Octaviano explica o processo de reparação. “Ele vai precisar dar conta de refazer esse trecho, ou essas ações, de acordo com o projeto executivo e com as recomendações do IPT. Isso é para gente ter uma segurança jurídica e técnica muito grande.”

O trecho Norte tem 44 km, na ligação das rodovias Dutra com a Bandeirantes. Ele foi iniciado em 2013, com previsão de entrega em 2016. A conclusão do Norte fecha o Rodoanel, com a interligação de seus quatro trechos e todas as estradas que cortam São Paulo, numa extensão de 176 quilômetros. A obra incompleta já consumiu R$ 6,3 bi, 50% a mais do orçamento inicial. A conclusão está prevista entre R$ 1,7 a R$ 2 bi, num cronograma de 18 a 24 meses de obras, com expectativa de início ainda no primeiro semestre.

* Com informações do repórter Marcelo Mattos.