Governo de São Paulo lança prêmio ‘Inspiração 2020’, destinado a professores

  • Por Jovem Pan
  • 19/02/2020 07h00 - Atualizado em 19/02/2020 08h42
Instituto Ayrton SennaViviane Senna discursou durante o lançamento do prêmio

O Governo de São Paulo, a Boeing e o Instituto Ayrton Senna lançaram nesta terça-feira, 18, o prêmio Inspiração 2020. A parceria vai destacar professores que criem boas práticas para o desenvolvimento socioemocional de estudantes da rede estadual de São Paulo. O prêmio será oferecido às cinco iniciativas mais inovadoras para desenvolver habilidades como autonomia, criatividade, pensamento crítico e colaboração entre os alunos.

O governador Joao Doria disse que os professores serão contemplados ano a ano com essa premiação para se sentirem motivados. “Nós acreditamos firmemente que um dos bons caminhos para melhorar a qualidade do Ensino em São Paulo é valorizar os professores, gestores, que atuam diretamente, nos diferentes níveis de ensino do Estado de São Paulo. Ao lançar um programa de premiação, que contempla a homenagem a aqueles que atingirem os objetivos do Ideb, da Secretaria de Educação, estamos incentivando e motivando toda rede pública de ensino em São Paulo.”

O prêmio Inspiração 2020 é uma iniciativa inédita no Brasil e faz parte do programa Inova Educação. para transformar a vida escolar e reduzir a evasão de mais de dois milhões de alunos dos ensinos fundamental e médio.

A presidente do Instituto Ayrton Senna Viviane Senna lemba que as competências cognitivas, como leitura, escrita e cálculo não são suficientes, os jovens precisam se desenvolver socioemocionalmente. “Capacidades como criatividade, pensamento crítico, abertura ao novo, colaboração, trabalho em time, que vão ser cruciais para que os atuais alunos deem certo no século XXI.”

A Boeing, que desde 2012 apoia projetos educacionais no Brasil com foco em educação integral e nas áreas de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática também participa do prêmio. Marc Allen, presidente da empresa, diz que a empresa acredita que uma educação que olha hoje para jovens como os líderes é o caminho para criar uma geração comprometida com o futuro do Brasil. ”Quando ha paixão por parte dos professores escolares, é possível transformar a educação em São Paulo e no Brasil. A nossa industria depende de novos líderes preparados e criativos. Assim eles poderão desenvolver produtos, serviços que farão a diferença”.

A parceria entre governo do estado e a Boieng visa também usar a tecnologia pra desenvolver o ensino na rede estadual, substituindo as lousas e giz, por tablets e computadores no futuro.

* Com informações do repórter Victor Moraes.