Governo de SP lança programa para capacitar exportadores

  • Por Jovem Pan
  • 31/01/2020 07h08
Imprensa/ GEPRDe acordo com o Secretário da Fazenda e Planejamento de São Paulo, Henrique Meirelles, o Exporta SP deve auxiliar na abertura do mercado

O governador de São Paulo, João Doria, lançou, nesta quinta-feira (30), o Programa Paulista de Capacitação para Exportações, chamado Exporta SP. O objetivo é preparar empresas de micro, pequeno e médio portes para acessar o mercado internacional.

A meta do Exporta SP é qualificar 150 empresas neste ano e chegar a 1.200 até 2023 — fazendo com que um número maior de companhias passe a exportar os produtos de origem paulista.

Tanto empresas que ainda não exportam como as que já atuam no comércio internacional e querem expandir seus mercados poderão participar.

Doria destacou que uma das novidades é que o programa inclui, pela primeira vez, startups e o setor de serviços na sua área de atuação.

“Estamos inserindo ps setpres de serviço no programa. É uma visão moderna, que países que tem robustez de exportação inserem. E startups, que temos um enorme respeito. Esse é um programa de inovação.”

De acordo com o Secretário da Fazenda e Planejamento de São Paulo, Henrique Meirelles, o Exporta SP deve auxiliar na abertura do mercado e no crescimento do PIB em 2020, que deve ficar entre 3% a 3,5%.

Segundo ele, essa é uma estimativa “extremamente válida” para São Paulo que está trabalhando na abertura de sua economia.

Os interessados em participar do Exporta SP precisarão cadastrar suas empresas no site e passar por um processo seletivo. Depois, a empresa receberá a visita de um consultor, que irá prepará-la para cumprir todas as etapas do treinamento e será acompanhada pelo programa pelo período de dois anos.

*Com informações da repórter Beatriz Manfredini