Governo Federal assumirá gestão de sistemas prisionais e socioeducativos de Roraima

  • Por Jovem Pan
  • 14/11/2018 08h32 - Atualizado em 14/11/2018 09h01
Luiz Silveira/Agência CNJNo começo do ano passado, a Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, o maior presídio de Boa Vista, foi palco de uma chacina que terminou com a morte de 31 presos

O Governo federal vai assumir a gestão dos sistemas prisionais e socioeducativos de Roraima.

Diante da crise de imigrantes no Estado, a governadora Suely Campos aceitou repassar o comando administrativo, financeiro e orçamentário para nomes indicados pelo presidente Michel Temer.

O sistema prisional será comandado pelo corregedor-geral do Departamento Penitenciário Nacional, Paulo da Costa. Já o sistema socioeducativo fica sob responsabilidade do coordenador-geral do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo, Guilherme Caetano Nico.

O acordo foi assinado nesta terça-feira (13), em Brasília. Na semana passada, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, sugeriu uma intervenção federal no sistema prisional.

No começo do ano passado, a Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, o maior presídio de Boa Vista, foi palco de uma chacina que terminou com a morte de 31 presos.

Em 2018, a entrada em massa de venezuelanos agravou o quadro de desordem no estado. Na época a governadora já havia pedido ajuda ao Governo federal.

*Informações da repórter Marcella Lourenzetto