Integrantes de Conselho Gestor se rebelam contra demissão de Natalini

  • Por Jovem Pan
  • 23/08/2017 07h50 - Atualizado em 23/08/2017 11h39
A demissão de Natalini ocorreu no momento que denúncias feitas por ele vieram à tona

Após demissão de Gilberto Natalini, cinco dos sete membros do conselho gestor da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente deixam o cargo.

O grupo foi criado na gestão João Doria e contava com notáveis relacionados às atividades da pasta.

Os conselheiros assinaram uma carta com críticas ao prefeito paulistano e disseram ter sido surpreendidos pela repentina mudança de comando.

Os integrantes afirmaram ainda que a pasta estava driblando o baixíssimo orçamento com criatividade e energia.

Deixaram o órgão o empresário Roberto Klabin, o ex-deputado Eduardo Jorge, a desembargadora federal Consuelo Yoshida, o professor da USP, Arlindo Phillipi Junior e o secretário-executivo do Observatório do Clima, Carlos Rittl.

A demissão de Natalini ocorreu no momento que denúncias feitas por ele vieram à tona ligadas à irregularidades no setor de compensações ambientais.

A gestão Doria diz que o desligamento de Natalini não teve nenhuma relação com o caso e que o prefeito se comprometeu a seguir com as investigações.

A administração municipal ressaltou que a Controladoria Geral do Município está apurando as informações reportadas pelo ex-secretário.

*Informações do repórter Anderson Costa