Itália aprova redução de parlamentares na Câmara e no Senado

  • Por Jovem Pan
  • 09/10/2019 06h59
EFENúmero de políticos dentro do Parlamento cairá de 945 para 600

O Parlamento da Itália aprovou, nesta terça-feira (8), uma reforma que reduz o número de representantes no Senado e na Câmara em mais de um terço. A medida foi uma promessa feita pelo movimento populista 5 Estrelas, o principal partido da coalizão governante no país.

Com a redução, o número de parlamentares deve cair de 945 para 600. De acordo com os idealizadores, o objetivo do projeto de lei é economizar em salários e despesas. Através do Twitter, o partido 5 Estrelas afirmou que a medida pouparia cerca de € 1 bilhão em dez anos.

Críticos à medida indicam que a reforma pode enfraquecer a democracia por facilitar que grupos de interesse tenham maior poder de barganha.

A redução de parlamentares começa a valer após as próximas eleições, previstas para 2023.

*Com informações da repórter Larissa Coelho