Jantares com lagosta e vinhos geram manifestações contra ministro da França

  • Por Jovem Pan
  • 12/07/2019 07h56
EFEMacron disse que não vai demitir François Rugy

O Ministro do Ambiente e Energia da França, François Rugy, está enfrentando uma série de protestos por causa de jantares de luxo, com lagosta e vinhos caros, que ele teria oferecido a amigos quando era presidente da Assembleia Nacional. Os banquetes foram revelados nesta semana e teriam acontecido entre junho de 2017 e outubro do ano passado, na residência oficial dele como deputado, em Paris.

Embora não haja suspeitas de ilegalidades na conduta do atual ministro, o caso aumentou a pressão popular contra o presidente Emmanuel Macron. Nesta quinta-feira (11), manifestantes foram às ruas, levando faixas e bonecos infláveis que imitam lagostas.

Ex-membro do Partido Verde e ativista ambiental, Rugy tem sido um dos principais aliados de Macron na defesa do Acordo de Paris. O governo francês já declarou que o presidente não tem a intenção de demitir o ministro e garantiu que ele continua no cargo.

*Com informações do repórter Vitor Brown