Jucá defende Meirelles como candidato em 2018: “excelente quadro para qualquer partido”

  • Por Jovem Pan
  • 27/09/2017 06h41 - Atualizado em 27/09/2017 11h35
Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil O ministro é filiado ao PSD e já teria, inclusive, autorizado deputados do partido dele a discutirem o assunto

O líder do Governo no Senado, Romero Jucá, defendeu nesta terça-feira (26) o nome do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, como um futuro pré-candidato à Presidência da República.

O ministro é filiado ao PSD e já teria, inclusive, autorizado deputados do partido dele a discutirem o assunto. Agora, o senador Romero Jucá não poupou elogios ao ministro: “é um nome pertinente, de excelente quadro, mas é claro que isso será conversado com todos os partidos da base aliado. Ele é excelente quadro para qualquer partido”.

Na Europa, Meirelles evitou o assunto, mas defendeu a necessidade de se chegar a um acordo em torno do Refis. “Nosso posicionamento é de que não deve haver prejuízos fiscais que não sejam justificáveis”, disse.

O líder do Governo no Senado negou que o Planalto esteja fazendo muitas concessões para garantir apoio de deputados devedores da Receita Federal. Jucá questão de garantir que a questão está sendo negociada diretamente com a Fazenda.

Em um momento em que o Governo se vê novamente às voltas com nova denúncia contra o presidente Michel Temer, Romero Jucá negou que essas concessões tenham como objetivo enterrar de vez a denúncia na Câmara.

*Informações da repórter Luciana Verdolin