Justiça do RJ decreta prisão preventiva de torcedores do Peñarol que agrediram torcedor do Flamengo

  • Por Jovem Pan
  • 16/04/2019 06h18
ReproduçãoOs torcedores uruguaios passaram a agredir torcedores do Flamengo que vieram do Espírito Santo

A Justiça do Rio de Janeiro decretou a prisão preventiva de três torcedores do Peñarol que se envolveram em briga com flamenguistas no bairro do Leme, na zona sul, na última semana, momentos antes do jogo entre as duas equipes no Maracanã.

As duas torcidas se encontraram ocasionalmente na praia do Leme. Os torcedores uruguaios passaram a agredir torcedores do Flamengo que vieram do Espírito Santo.

Um senhor de 60 anos foi agredido com socos, pauladas e pontapés e está internado no Hospital Miguel Couto. Roberto Vieira de Almeida ainda foi agredido com cadeirada e garrafadas e teve traumatismo craniano.

Para conter a confusão, a Polícia foi acionada. Houve até outro caso em que torcedores do Flamengo agrediram um torcedor do Peñarol, e os PMs assistiram as agressões. Eles focaram presos administrativamente, mas já foram soltos.

Em seguida, um reforço da PM prendeu mais de 100 torcedores do time uruguaio. A Polícia conseguiu, através de imagens, identificar alguns torcedores que participaram da agressão.

*Informações do repórter Rodrigo Viga