Massoterapeuta presa no RJ confessa uso de silicone industrial em procedimentos em clientes

  • Por Jovem Pan
  • 22/08/2018 08h27
Estefan Radovicz/Estadão ConteúdoPresa, ela revelou que fazia o procedimento nas clientes desde 2016

A massoterapeuta Patrícia Silva dos Santos, conhecida como “Patty Bumbum”, acusada de envolvimento na morte da modelo Mayara da Silva dos Santos em um procedimento estético, prestou novo depoimento à Polícia nesta terça-feira (21) e admitiu que usava em suas clientes silicone industrial.

Presa, ela revelou que fazia o procedimento nas clientes desde 2016. O motivo seria o preço muito mais acessível do que o silicone destinado a procedimentos estéticos, conhecido como PMMA.

Também nesta terça-feira saiu o laudo da causa da morte da bancária Lílian Calixto, que morreu após procedimento estético na casa do médico Denis Furtado, o Dr. Bumbum.

De acordo com o laudo, Lílian morreu vítima de embolia pulmonar provocada pela presença de um corpo estranho na corrente sanguínea.

*Informações do repórter Rodrigo Viga