Mercado imobiliário busca alternativas para reduzir inadimplência

  • Por Jovem Pan
  • 30/03/2020 08h20
Fernanda Carvalho/ Fotos PúblicasO mercado imobiliário estima uma retração de 30% nos negócios por causa do coronavírus

O setor imobiliário teme que a inadimplência cresça entre locatários. Embora os contratos tenham fiadores, há uma expectativa que eles também serão afetados.

O mercado começa a buscar iniciativas para a inadimplência durante a pandemia. A startup CredPago criou um parcelamento aos inquilinos com problemas financeiros, como explica o CEO Jardel Cardoso.

“Uma possibilidade para atender os inquilinos que permite que ele consiga parcelar seu aluguel em três vezes sem juros ou em seis vezes apenas colocando apenas o custo da operação. Já a imobiliário, que representa o proprietário, recebe o valor em até três dias após o vencimento. ”

A startup tem o banco BTG Pactual como um dos seus sócios e pretende injetar R$ 10 milhões na operação de socorro financeiro. A iniciativa poder beneficiar oficialmente seis mil famílias em todo o país.

O mercado imobiliário estima uma retração de 30% nos negócios por causa do coronavírus.

*Com informações do repórter Marcelo Mattos