Miliciano que se passava por policial para extorquir dinheiro de comerciantes no RJ é preso

  • Por Jovem Pan
  • 04/12/2018 06h11
DivulgaçãoO homem já havia sido preso em 2008 depois de torturar uma equipe de um jornal do RJ dentro de uma favela no Realengo, na zona oeste da capital

Miliciano que se passava por policial e extorquia comerciantes é preso pela Polícia do Rio de Janeiro. A prisão aconteceu em Magé, na Baixada Fluminense.

Davi Liberato de Araújo usava uma camisa falsificada da Polícia Civil do RJ para se passar por agente da Delegacia de Combate às Drogas. Ele visitava diversos estabelecimentos comerciais para extorquir os comerciantes. Ele também usava veículo, distintivo e mandados de busca e apreensão falsos para extorquir os comerciantes.

Alguns deles, no entanto, conseguiram usar câmeras de segurança para gravar o falso policial civil e fizeram denúncias. As investigações descobriram que não era um policial civil, mas um falsário.

Desde então, David estava sendo procurado e acabou sendo preso nesta segunda-feira (03). Esse mesmo homem já havia sido preso em 2008 depois de torturar uma equipe de um jornal do RJ dentro de uma favela no Realengo, na zona oeste da capital.

Ele só estava fora da prisão pois estava em liberdade condicional.

*Informações do repórter Rodrigo Viga