Militar do Exército é investigado sob suspeita de estupro de menino de 11 anos no litoral de SP

  • Por Jovem Pan
  • 26/03/2018 07h13
Reprodução/GloboCom a ajuda de imagens de câmeras de monitoramento do bairro, as equipes localizaram o suspeito e o levaram para a Delegacia Sede de Peruíbe, onde foi reconhecido pela vítima

Um militar do Exército foi detido em Peruíbe, no litoral paulista, sob suspeita de estupro após ser reconhecido pela vítima.

Por não ter sido pego em flagrante, o soldado de 19 anos foi solto, mas será indiciado.

O caso ocorreu há cerca de dez dias, quando o menino de 11 anos voltava para casa depois de praticar exercícios no Ginásio de Esportes da cidade.

O militar abordou o garoto e o levou para um matagal, onde praticou o estupro.

Segundo a Polícia Militar, o soldado ainda teria torcido o braço da vítima, antes de abandoná-la no local.

Após o abuso, o menino passou mal e foi levado ao Pronto Socorro de Peruíbe, onde passou por exames e foi constatado o abuso. Ele descreveu o abusador para os pais, que reconheceram o autor do crime e acionaram a polícia.

Com a ajuda de imagens de câmeras de monitoramento do bairro, as equipes localizaram o suspeito e o levaram para a Delegacia Sede de Peruíbe, onde foi reconhecido pela vítima. Ele nega que tenha cometido o crime.

Um boletim de ocorrência foi registrado e a Polícia Civil deve fazer uma investigação para comprovar ou não o envolvimento do militar no abuso sexual do menor.

*Informações da repórter Nanny Cox