Ministério da Agricultura instala comitê para criar novo sistema de fiscalização

  • Por Jovem Pan
  • 03/04/2019 07h09 - Atualizado em 03/04/2019 07h09
Wilson Dias/Agência Brasil/Agência BrasilSegundo a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, a ideia é dividir a tarefa de fiscalização com o setor privado

O Ministério da Agricultura instalou o Comitê permanente que será responsável por criar um sistema de controle de qualidade da produção agropecuária.

Atualmente, a fiscalização feita pela pasta acompanha desde o fluxo produtivo até a etapa final do processo. No novo sistema, o fabricante será mais responsável pelo que disponibiliza ao mercado.

O Ministério ficará encarregado pela elaboração de normas, a realização de auditorias, certificações e eventuais punições.

Segundo a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, a ideia é dividir a tarefa de fiscalização com o setor privado: “todo mundo assumindo seu papel. Está na hora de a gente virar adulto nesse jogo, que é importantíssimo”.

A Associação Brasileira do Agronegócio acredita que a criação do comitê é um passo importante para o setor.

De acordo com o diretor-executivo da ABAG, Luiz Cornacchioni, o programa de qualidade ajuda os consumidores do país e também contribuí para as exportações: “para nós, um sistema desse dentro das regras internacionais só vai nos dar cada vez mais acesso aos mercados e garantir que nossos produtos estão dentro das normas internacionais”.

O sistema de autocontrole não deve se restringir a inspeção de produtos somente de origem animal. Também será instalado no setor de vegetais, bebidas, adubos e defensivos agrícolas.

Para que dê certo, o Ministério da Agricultura quer acelerar a informatização e automatização dos processos.

A inspeção antes e depois do abate terá parâmetros modernizados e serão organizados para otimizar o trabalho de acordo com a realidade produtiva atual. O MAPA garante que essa fiscalização continuará sendo feita por auditores fiscais da Pasta.

*Informações da repórter Nanny Cox