Ministros de Temer pedem pressa à equipe de Bolsonaro para definição de novo Governo

  • Por Jovem Pan
  • 14/11/2018 07h25
José Cruz/ Agência BrasilO ministro do Planejamento, Esteves Colnago, disse que é preciso definir o que o Governo quer para o futuro ministério

Ministros do presidente Michel Temer envolvidos na transição do Governo fazem críticas à equipe do eleito, Jair Bolsonaro, e à indecisão sobre a configuração do novo governo, o número de ministérios que vai funcionar na Esplanada.

Inicialmente, seriam 15 pastas, mas depois admitiu 16, e 17 e, agora, fala em 18 ministérios, com a possibilidade inclusive da continuidade do Ministério do Trabalho.

O ministro do Planejamento, Esteves Colnago, disse que é preciso definir o que o Governo quer para o futuro ministério, porque há uma necessidade de reconfiguração do orçamento geral da União para o ano que vem.

O projeto já foi enviado ao Congresso para análise, mas pode ser modificado através de emendas – e será, através de assinatura de Temer recolocando recursos dos ministérios extintos para as novas pastas.

*Informações do repórter José Maria Trindade