Morador da Flórida é condenado à prisão por ataque ao Capitólio em janeiro

Paul Hodgkins, de 38 anos, vai ficar oito meses em regime fechado; na ocasião, cinco pessoas morreram em ato em Washington

  • Por Jovem Pan
  • 21/07/2021 07h44 - Atualizado em 21/07/2021 11h30
EFE/EPA/JIM LO SCALZONa ocasião, multidão vinda de diversas partes do país atacaram Washington na tentativa de impedir a confirmação da vitória de Joe Biden

Paul Hodgkins, de 38 anos, foi condenado a oito meses de prisão em regime fechado por ter participado dos ataques ao Capitólio em janeiro de 2021. Na ocasião, multidão vinda de diversas partes do país atacaram Washington na tentativa de impedir a confirmação da vitória de Joe Biden contra Donald Trump na presidência dos Estados Unidos. Cinco pessoas morreram, dezenas ficaram feridas e centenas foram presas. Apesar de ser o primeiro condenado, Hodgkins não é o único arrolado no processo. Uma moradora de Indiana de 49 anos foi condenada a cumprir três anos em liberdade condicional, realizar 120 horas de serviço comunitário e pagar multa de US$ 500. Mais de 500 pessoas ainda esperam julgamento. Paul Hodgkins confessou a culpa, disse estar arrependido e ainda afirmou que a conduta dele por ter motivado outras pessoas a participar dos “atos destrutivos”.