MP-RJ denuncia 26 PMs suspeitos de receber propina de ladrões de combustíveis

  • Por Jovem Pan
  • 15/05/2018 10h01 - Atualizado em 15/05/2018 10h02
Reprodução-Twitter PMERJPolícia do RJ promete intensificar o combate aos produtos falsificados às vésperas da Copa do Mundo

Em torno de 26 policiais militares que atuam no sul do estado do Rio de Janeiro foram denunciados à Justiça pelo Ministério Público por corrupção passiva. Os oficiais atuam no 10º BPM, em Barra do Piraí. Segundo as investigações, esses policiais recebiam propina de criminosos para fazer “vista grossa”, não combater crimes, como furto, estocagem e venda ilícita de combustíveis ilegais e adulterados no sul do estado do Rio de Janeiro.

As investigações começaram há alguns meses após a prisão em flagrante pelo crime de comercialização ilegal de combustíveis de três homens naquela região. O furto de combustíveis em instalações da Petrobras e subsidiárias tem sido recorrente no Rio de Janeiro e em outros estados brasileiros.

Também na Baixada Fluminense,a polícia estourou um depósito com material falsificado da Seleção Brasileira. Nada mais nada menos do que cinco toneladas de camisas piratas. O material é avaliada em aproximadamente R$ 3 milhões.

A Polícia do RJ promete intensificar o combate aos produtos falsificados às vésperas da Copa do Mundo.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga