Mutirão do emprego no centro de SP oferece cerca de quatro mil vagas em 26 empresas

  • Por Jovem Pan
  • 13/08/2018 07h19 - Atualizado em 15/08/2018 10h34
Suamy Beydoun/Estadão ConteúdoForam oferecidas quatro mil vagas por 26 empresas, entre elas vendedor, motorista, telefonista, recepcionista, padeiro, confeiteiro, telemarketing e analista de sistemas

Dez horas da manhã, Vale do Anhangabaú, centro de São Paulo. Mil e quinhentas pessoas passam pelo local todo dia no mutirão do emprego, realizado pelo Sindicato dos Comerciários de São Paulo. Os portões abrem às 8h.

Foram oferecidas quatro mil vagas por 26 empresas, entre elas vendedor, motorista, telefonista, recepcionista, padeiro, confeiteiro, telemarketing e analista de sistemas.

Sandra, de 19 anos, acordou às 5h para chegar no mutirão do emprego às 8h. Às 10h ela estava só no começo da fila.

Há dois anos sem trabalhar, Sandra busca uma vaga na área administrativa, mas garante que não está conseguindo nem um bico de faxineira.

O presidente da Sincovaga, Alvaro Furtado, explicou o segundo mutirão no centro de SP.

Na parte final da triagem, Sandra preencheu as últimas informações sobre a vaga disponível e agora tem que esperar pra ver se há o interesse da empresa para uma primeira entrevista. No final da jornada, Sandra se mostrou bem desanimada com o tempo na fila apenas para a entrega de um currículo.

A média dos salários das quatro mil vagas disponíveis é de R$ 1,3 mil, mas podem chegar a R$ 6 mil dependendo da qualificação.

*Informações do repórter Victor Moraes