Na reta final, maioria dos presidenciáveis ainda não possui vice definido

  • Por Jovem Pan
  • 02/08/2018 06h31
Elza Fiuza/Agência BrasilPara Maurício Santoro, cientista político da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, o cenário político ampliou a importância do cargo

A três dias do prazo final para a definição das chapas, a maioria dos presidenciáveis não escolheu vice. Os partidos têm até o próximo domingo, 5 de agosto, para fazer a definição, e até o dia 15 para concluir o registro no Tribunal Superior Eleitoral.

Até esta quinta-feira (01), apenas três partidos definiram as chapas completas para a corrida presidencial. PSOL, com Guilherme Boulos e Sonia Guajajara, PSTU com Vera Lúcia e Hertz Dias, e Democracia Cristã, com Eymael e Pastor Helvio Costa.

Ciro Gomes, do PDT, Jair Bolsonaro, do PSL, Manuela D’Ávila, do PCdoB, foram oficializados sem definir vice.

Para Maurício Santoro, cientista político da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, o cenário político ampliou a importância do cargo: “o cargo de vice aumentou muito a importância devido ao impeachment de Dilma e ascensão de Michel Temer”.

O especialista apontou ainda que o avanço da Operação Lava Jato também intimidou candidatos e partidos a definirem as chapas.

Durante convenção do PRB, o pré-candidato do PSDB, Geraldo Alckmin, disse que não tem pressa para escolher o vice: “nao tem dificuldade. Nós não temos pressa, vamos acertar. Não deve ser de São Paulo, porque o Brasil é uma federação”.

Na semana passada, Josué Gomes, filho do ex-vice-presidente José Alencar, rejeitou compor a chapa de Geraldo Alckmin.

Quem desistiu de concorrer à presidência e aceitou aliança para ser vice foi Paulo Rabello de Castro, que exaltou a parceria com Álvaro Dias, do Podemos: “os brasileiros vão voltar a sorrir a partir de janeiro de 2019. nós vamos mostrar o que é crescer agora”.

Paulo Rabello de Castro chegou a ter a candidatura oficializada pelo PSC no último dia 20. Álvaro Dias deve ser confirmado como candidato do Podemos no próximo sábado, 4 de agosto.

No mesmo dia, o Partido Novo deve anunciar a chapa formada por João Amoêdo e Christian Lohbauer.

Nesta quinta-feira (02), o MDB oficializa a candidatura à Presidência de Henrique Meirelles, porém, sem vice.

Confira a cobertura completa das Eleições 2018

*Informações do repórter Matheus Meirelles