Norueguês é preso por importunação sexual no Rio de Janeiro

  • Por Jovem Pan
  • 01/12/2018 10h44
Alexandre Macieira/Riotur Um norueguês foi preso por importunação sexual na estação Central do Brasil, no Rio de Janeiro

Um norueguês, identificado pela polícia como Esper Peterson, foi preso na principal estação de trens do Rio de Janeiro, a Central do Brasil, depois de abordar, assediar e tocar em uma consultora de vendas, identificada como Kelem Pavão, de 26 anos.

Ele, segundo a vítima, se aproximou pedindo informações, depois começou a, inadvertidamente, tocar no corpo dela, inclusive nas nádegas e nos seios. A consultora, que esperava pelo marido na Central do Brasil, procurou a segurança da estação e comunicou o fato a polícia. O norueguês foi indiciado por crime de importunação sexual, com pena prevista de até cinco anos de prisão.

Esper Peterson trabalha no setor do petróleo e gás e é funcionário terceirizado da Petrobras. De acordo com a polícia, ele vem frequentemente ao Brasil e fala português fluentemente. A vítima prometeu levar o caso “às últimas consequências”.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga