Nova derrota de Lula na Justiça é recebida sem surpresa no Congresso

  • Por Jovem Pan
  • 27/03/2018 06h42
Edilson Rodrigues/Agência SenadoO deputado Wadih Damous (PT) disse que o Tribunal Regional da 4ª Região tem o papel único de condenar Lula

O novo revés do ex-presidente Lula na Justiça foi recebido sem surpresa no Congresso. Alguns deputados se manifestaram logo após o TRF4 de Porto Alegre negar o recurso da defesa que questionava a condenação.

Os petistas voltaram a fazer críticas ao Tribunal que condenou o ex-presidente em segunda instância.

O deputado Wadih Damous (PT) reiterou que a defesa ainda pode entrar com um novo recurso. Mas para ele, o Tribunal Regional da 4ª Região tem o papel único de condenar Lula: “resultado absolutamente esperado. O TRF não está ali para julgar, mas para condenar. Aquela Turma, em relação à Lava Jato e ao presidente Lula, não exerce processo de julgamento, exerce a vontade de condenar”.

O líder do PPS na Câmara, deputado Alex Manente, comentou a expectativa em torno da possível prisão de Lula. No próximo dia 04, o Supremo Tribunal Federal vai julgar o pedido de habeas corpus preventivo do ex-presidente.

Alex Manente criticou o adiamento da decisão pela Suprema Corte: “isso não era novidade, o embargo era para postergar a definição e trouxe essa indignação à população”.

Após um dia sem votações, os deputados tentam chegar a um acordo para votar nesta terça-feira 927) o projeto que institui o SUSP, Sistema Único de Segurança Pública. Outras matérias sobre segurança podem entrar na pauta.

*Informações do repórter Levy Guimarães