Nova eleição no Tocantins vai para o segundo turno

  • Por Jovem Pan
  • 04/06/2018 07h55 - Atualizado em 04/06/2018 07h56
Calyton Cristus/AL-TODeputado Mauro Carlesse, que já está na cadeira de governador, foi o mais votado

Eleitores do Tocantins foram as urnas neste domingo em uma eleição suplementar para escolherem o governador que conduzirá o estado até o ano que vem.

Com 30,33% dos votos válidos, o governador interino Mauro Carlesse, do PHS vai disputar o segundo turno com senador Vicentinho Alves, do PR que obteve 22,19% dos votos. Em terceiro lugar ficou Carlos Amastha, do PSB, com 21,44%.

A segunda etapa da disputa está marcada para o dia 24 de junho. Quem vencer esta eleição pode concorrer em outubro à reeleição. Cerca de 30% da população tocantinense não foi votar. 17% dos votos foram nulos e 2%, brancos.

Durante a votação, sete pessoas foram detidas por crimes eleitorais. Entre os presos, há cinco políticos e dois civis, de acordo com a Polícia Civil. Há casos de transporte irregular de eleitores e de compra de votos.

Em 26 de março, o Tribunal Superior Eleitoral cassou o então governador Marcelo Miranda, do MDB, e a vice dele, Cláudia Lelis, do PV, por captação ilegal de recursos para a campanha eleitoral de 2014.

Com a saída de Marcelo Miranda, o presidente da Assembleia Legislativa, Mauro Carlesse assumiu o cargo.

Com informações de Afonso Marangoni ao Jornal da Manhã

Marco Antonio Villa comentou a realização do pleito: