Número de contaminados por Covid-19 aumenta e supera 21 mil casos

Nas últimas 24 horas também foram contabilizadas 92 mortes causadas pela doença; especialista diz que aumento é ‘motivo de preocupação’

  • Por Jovem Pan
  • 04/05/2022 12h56
JORGE HELY / ENQUADRAR / ESTADÃO CONTEÚDO Profissional da saúde aplica teste da Covid-19 em mulher Clínicas particulares de São Paulo também confirmaram um aumento na procura por testes de Covid-19

Os casos de Covid-19 voltaram a aumentar no Brasil. A crescente de pessoas infectadas subiu em fevereiro, quando a média diária era de 14.542 casos. Entre os dias 24 e 30 de abril, São Paulo apresentou um aumento no número de casos e internações. nesta terça-feira, o Brasil registrou 21 mil novos casos de Covid-19. No mesmo período, 92 pessoas morreram por causa da doença. Em São Paulo, o crescimento é de quase 5%. Para os especialistas, a queda da imunidade tem relação direta com o ciclo vacinal da população, que continua incompleto. “A nossa cobertura vacinal de terceira dose para aqueles entre 18 e menos de 60 anos ainda é muito baixa. E a cobertura de quarta dose para os acima de 60 também está ruim. É um motivo de grande preocupação”, explica a médica infectologista Raquel Stucchi. Ainda segundo ela, é preciso ficar atento à flexibilização do uso de máscaras. Hoje, São Paulo é o estado com mais casos de Covid-19, seguido de Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul. “Nós já sabemos que as vacinas não conseguem impedir casos leves da doença. Neste momento a gente pode dizer que a Ômicron deve ser a responsável por esses casos de agora. Pela flexibilização das atividades e tirando a obrigatoriedade do uso de máscaras, era esperado que tivéssemos um número maior de pessoas com sintomas da Covid-19. “. Clínicas particulares de São Paulo também confirmaram um aumento na procura por testes de Covid-19.

*Com informações do repórter Maicon Mendes