Número de mortos em protestos na Venezuela chega a 89

  • Por Jovem Pan
  • 03/07/2017 13h47 - Atualizado em 03/07/2017 13h48
Manifestantes opositores a Maduro protestam contra o governo em Caracas no sábado

Número de mortos em protestos na Venezuela chega a 89 e Papa Francisco pede solução pacífica à crise do país.

O Ministério Público da Venezuela confirmou a morte de mais quatro pessoas em manifestações contra o governo de Nicolás Maduro. Com isso, o número de vítimas fatais no país chegou a 89 desde que os protestos se tornaram diários.

O Ministério Público não revelou as circunstâncias em que as mortes ocorreram, mas o deputado opositor Alfonso Marquina, culpou pistoleiros pelos ataques.

As manifestações contra o presidente Nicolás Maduro completaram três meses neste final de semana e, segundo a ONG Foro Penal, já deixaram mais de mil feridos e 3.500 detidos.

Também neste domingo, o Papa Francisco pediu uma solução pacífica e democrática à crise da Venezuela. Ele prestou solidariedade às famílias dos manifestantes que perderam a vida e pediu aos fiéis para orarem para Nossa Senhora de Coromoto, que é padroeira da Venezuela.