ONU aprova resolução e pede que Venezuela aceite ajuda humanitária

  • Por Jovem Pan
  • 28/09/2018 07h06 - Atualizado em 28/09/2018 09h06
EFEÉ a primeira vez na história que o Conselho adota uma resolução sobre a Venezuela

O Conselho de Direitos Humanos da ONU aprovou nesta quinta-feira (27) uma resolução sobre a Venezuela pedindo que o governo do ditador Nicolás Maduro aceite ajuda humanitária para solucionar os problemas de escassez de alimentos e medicamentos.

É a primeira vez na história que o Conselho adota uma resolução sobre a Venezuela.

O texto, proposto por vários países latino-americanos incluindo o Brasil, foi aprovado por 23 dos 47 Estados representados no Conselho da ONU. 17 países se abstiveram e sete votaram contra, entre eles China, Cuba e a própria Venezuela.

A escassez de alimentos, medicamentos e recursos médicos no país vem provocando um aumento da desnutrição, principalmente nas crianças, e a aparição de doenças que haviam sido erradicadas ou até então controladas na América do Sul.

O Conselho da ONU pressiona o governo venezuelano a cooperar com o Alto Comissariado, dirigido desde setembro pela ex-presidente do Chile Michelle Bachelet.

Na terça-feira, Os Estados Unidos anunciaram que destinarão mais de 48 milhões de dólares em ajuda humanitária adicional para a Venezuela.

*Informações do repórter Victor Moraes