Oposição quer convocar ministro do Turismo ao Senado para explicar ‘laranjal’

  • Por Jovem Pan
  • 29/06/2019 10h54
Ernesto Rodrigues - Estadão ConteúdoOposição quer ouvir Marcelo Álvaro Antônio na CTFC

Senadores contrários ao governo querem que o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, dê explicações sobre o escândalo chamado de “laranjal do PSL”. O líder da oposição, senador Randolfe Rodrigues (REDE-AP), entrou com um pedido de convocação ao ministro na Comissão de Transparência, Fiscalização e Controle.

O  motivo são as recentes prisões de um assessor e dois ex-assessores de Marcelo Álvaro. “Com a recente operação da Polícia Federal nesta semana, inclusive com a detenção de pessoas próximas ao ministro e ao presidente da República, se torna um imperativo a presença dele no Senado Federal”, disse Rodrigues.

Esta não é a primeira vez que a Comissão de Fiscalização e Controle tenta ouvir o ministro do Turismo. Em março, o colegiado aprovou um convite, mas ele não compareceu. Dessa vez, caso seja aprovado o pedido de convocação, Marcelo Álvaro não tem a opção de recusar.

Já o Ministro Chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, pode receber um convite para ir à CCJ dar explicações sobre o militar preso com cocaína em um avião da FAB na Espanha. A comissão deve votar o requerimento na próxima semana.

O senador Randolfe Rodrigues também pede a aprovação. “É necessário urgentemente alguns esclarecimentos. Como passou em uma aeronave a serviço da presidência da República esta quantidade de droga? Quem é o militar que estava transportando? Quais as providências estão sendo tomadas por parte do governo brasileiro?”, questionou.

Segundo Augusto Heleno, não é de responsabilidade do GSI fiscalizar a carga de um avião da FAB que apoia as comitivas do presidente, mas, sim, responsabilidade da Força Aérea.

*Com informações do repórter Levy Guimarães