Papa Francisco reza pelas vítimas do atentado na Somália

  • Por Jovem Pan
  • 30/12/2019 07h05
EFEAté o momento, 92 pessoas morreram e 128 ficaram feridas; número de vítimas deve subir

O Papa Francisco rezou, neste domingo (29), durante o tradicional Angelus, na Praça de São Pedro, pelas vítimas do atentado em Mogadíscio, capital da Somália. O pontífice expressou a “proximidade a todos os membros da família e dos que choram a morte” das vítimas.

O ataque com um carro-bomba ocorreu no sábado (28), durante o horário de pico em um posto de controle da estrada que liga a capital à cidade de Afgooye. Entre as 92 vítimas e 128 feridos, há crianças e muitos jovens estudantes da Universidade de Benadir, além de policiais e dois estrangeiros de nacionalidade turca.

O atentado foi reivindicado horas mais tarde pelo grupo terrorista Al-Shabaab, braço da Al-Qaeda na Somália. Esse é considerado o terceiro pior ataque da história do país.

O primeiro ocorreu em dois mil e onze, quando o Al-Shabaab foi responsável por uma explosão que matou mais mais de 100 pessoas. O outro, mais recente, ocorreu em 2017, e deixou 587 mortos.

O número de vítimas fatais desse atentado de sábado, no entanto, ainda deve subir. Isso porque, segundo profissionais de saúde, muitos feridos estão morrendo devido à escassez de bolsas de sangue.

*Com informações da repórter Nicole Fusco