Paulistanos são os que mais reclamam de aumentos abusivos nos preços de planos de saúde

  • Por Jovem Pan
  • 27/11/2017 06h16 - Atualizado em 27/11/2017 12h21
Marcos Santos/USP ImagensO aumento registrado entre janeiro e outubro deste ano chegou a 123% se comparado com o mesmo período do ano passado

A cidade de São Paulo é a localidade que mais registrou reclamações contra aumentos abusivos nos planos de saúde em todo o Estado.

O aumento registrado entre janeiro e outubro deste ano chegou a 123% se comparado com o mesmo período do ano passado.

De acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), só em são Paulo 470 pessoas registraram reclamações em 2016, enquanto 610 fizeram o mesmo este ano.

Em todo o Estado de São Paulo foram 760 reclamações em 2016 e 1693 em 2017.

Por conta do aumento dos casos, a ANS estabeleceu parceria com a Defensoria Pública do Estado de São Paulo para defender os consumidores de reajustes abusivos.

Para isso, quem se sentir lesado com o aumento nos preços, pode registrar queixa nos órgãos de defesa do consumidor e na ANS.

*Informações do repórter Fernando Martins