Pazuello teme aumento de processos envolvendo o SUS com o avanço da Covid-19

  • Por Jovem Pan
  • 23/06/2020 07h22 - Atualizado em 23/06/2020 08h29
Gabriela Biló/Estadão ConteúdoO ministro interino Eduardo Pazzuelo afirma que o SUS é universal, ou seja, tem obrigação de atender a todos os brasileiros

O ministro da Saúde teme aumento de processos envolvendo o Sistema Único de Saúde (SUS) com o avanço do coronavírus. Em audiência virtual com integrantes do judiciário, Eduardo Pazuello exaltou o funcionamento do sistema durante a pandemia da Covid-19.

Apenas em 2019, o Conselho Nacional de Justiça contabilizou cerca de 470 mil decisões terminativas nos tribunais envolvendo a área médica e hospitalar. O ministro interino da Saúde espera uma resolução rigorosa dos casos, apesar do aumento nos processos. Eduardo Pazzuelo afirma que o SUS é universal, ou seja, tem obrigação de atender a todos os brasileiros.

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Antonio Dias Toffoli, diz que os poderes devem estar mais unidos na pandemia. Sem citar a crise envolvendo os poderes, o ministro Dias Toffoli lamentou a judicialização da saúde no Brasil. O presidente do STF explica que existem ações de todo tipo, até as que obrigam a cobertura de testes de coronavírus.

*Com informações do repórter Afonso Marangoni