PGR denuncia Pezão e mais 14 por corrupção, lavagem e organização criminosa

  • Por Jovem Pan
  • 20/12/2018 06h22 - Atualizado em 20/12/2018 09h25
Tânia Rego/Agência BrasilPezão está preso há quase um mês acusado de montar esquema de cobrança de propina dentro da máquina pública do Estado

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, foi denunciado pela Procuradoria-Geral da República nesta quarta-feira (19).

A procuradora Raquel Dodge denunciou o governador afastado de suas funções e outras 14 pessoas por uma série de crimes, entre eles corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Pezão está preso há quase um mês acusado de montar esquema de cobrança de propina dentro da máquina pública do Estado. Ele teria usado o esquema criado durante o governo de Sérgio Cabral e depois aperfeiçoado o aparato irregular.

De acordo com as investigações do MPF, Pezão recebeu mesada de mais de R$ 150 mil e ao longo dos anos teria amealhado mais de R$ 40 milhões. A defesa nega as acusações.

O Ministério Público do Estado, com base nas investigações, está protocolando na justiça fluminense o pedido de bloqueio de quase R$ 40 milhões nas contas do governador afastado a título de ressarcimento das contas públicas.

*Informações do repórter Rodrigo Viga