Podemos dizer que a recessão acabou, diz ex-presidente do BC após resultado do PIB

  • Por Jovem Pan
  • 01/09/2017 09h39 - Atualizado em 01/09/2017 09h40
Em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã, o ex-presidente do Banco Central Carlos Langoni afirmou que apostava em variação positiva e foi categórico ao afirmar que o País saiu da recessão

O Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todas as riquezas produzidas no país, fechou o segundo trimestre do ano com alta de 0,2% na comparação com primeiro trimestre, na série ajustada sazonalmente. Na comparação com o segundo trimestre de 2016, a variação do PIB foi de 0,3%.

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã, o ex-presidente do Banco Central Carlos Langoni afirmou que apostava em variação positiva e foi categórico ao afirmar que o País saiu da recessão.

“A recessão estava terminando. Hoje podemos dizer que a recessão acabou. Variação positiva é importante porque significa que a economia brasileira voltou a crescer de forma contínua por dois trimestres consecutivos”, disse.

Segundo o economista, se analisarmos a comparação entre este trimestre e o do mesmo período no ano passado, voltamos ao terreno positivo após praticamente três anos em recessão profunda. “É um dado que impressiona levando em consideração o pano de fundo do ambiente político. Com um nível de grande incerteza e, apesar disso, a economia confirma a sua resiliência e a trajetória de expansão”, exaltou.

Para Langoni, o resultado é “muito auspicioso e mostra um descolamento do lado real da economia e as incertezas políticas”. Mostra ainda que a economia brasileira hoje é suficientemente diversificada para quando um setor não vai tão bem, os outros setores dão sinais de recuperação.

Confira a entrevista completa: