Polícia prende dupla e liberta família feita refém durante assalto em Diadema

  • Por Jovem Pan
  • 08/11/2017 05h58 - Atualizado em 08/11/2017 10h30
Reprodução/Google MapsOs suspeitos foram flagrados em plena ação por uma equipe do 24º Batalhão no final da noite desta terça-feira (07)

Polícia prende dupla e liberta família mantida refém durante tentativa de assalto no Centro de Diadema, na Grande São Paulo. Os suspeitos foram flagrados em plena ação por uma equipe do 24º Batalhão no final da noite desta terça-feira (07).

Armados com um revólver calibre 38, eles renderam o motorista de um Ford Fiesta, prata, em um semáforo fechado da Rua 12 de Outubro. No veículo estavam, além do motorista, Sidnei Guimarães, de 41 anos, que é pedreiro, a mulher dele, Marileide dos Santos Silva, de 25, e a filha do casal, de apenas quatro anos de idade.

O condutor vinha de Santo André, no ABC, onde havia acabado de receber a quantia de R$ 6 mil, referente ao pagamento pela venda de outro carro que possuía, um Palio Weekend.

Surpreendido, ele não tentou fugir, e os criminosos invadiram o carro, mantendo a família como refém. Mas o que eles não sabiam é que toda a cena havia sido testemunhada por PMs que estavam em uma viatura estacionada em um posto de combustíveis. Os militares foram atrás dos bandidos, que, ao perceber a presença da viatura, deram início à fuga.

A perseguição durou poucos minutos e terminou quando o assaltante que dirigia entrou na Rua Quito, uma via sem saída. Acuados, os assaltantes pegaram a criança como escudo e passaram a fazer ameaças, enquanto os policiais negociavam a rendição.

A conversa foi rápida e logo os ladrões concordaram em libertar os reféns e se entregaram; a arma foi apreendida. Um dos presos é Edson Xavier Loca, de 33 anos, que era foragido do sistema penitenciário desde que foi beneficiado pela saída temporária do Dia dos Pais e não retornou.

Ele e o comparsa Josemílton Xavier dos Santos, que completa 42 anos nesta quinta-feira, foram encaminhados ao Primeiro Distrito Policial de Diadema e autuados em flagrante.

A Polícia suspeita que o dono do ferro-velho que adquiriu o veículo alertou os bandidos sobre o dinheiro entregue ao pedreiro.

*Informações do repórter Paulo Édson Fiore