Prefeito e primeira-dama de Osasco queimam 14% do rosto e braços em explosão e permanecem internados

  • Por Jovem Pan
  • 01/07/2019 07h12
Reprodução/InstagramExplosão aconteceu enquanto o casal acendia uma fogueira durante o evento Arraiá do Servidô

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, e a primeira-dama, Aline Lins, devem continuar internados no Hospital Municipal Antônio Giglio até o fim desta semana. O casal foi atingido por uma explosão enquanto acendia uma fogueira durante o evento Arraiá do Servidô, na última sexta-feira (28).

De acordo com o boletim médico divulgado neste sábado (29), Rogério e Aline tiveram queimaduras graves de primeiro e segundo graus em 14% do rosto e braços. O boletim informa ainda que não houve comprometimento de vias áreas e que o quadro do casal é estável.

No sábado, o político usou as redes sociais para agradecer às manifestações de apoio. “Pessoal agradeço as diversas mensagens e manifestações de carinho por mim e minha esposa Aline. Estamos bem e em recuperação. Espero poder voltar às atividades o mais rápido possível e contribuir com nossa cidade. Agradeço a Deus pelo livramento e por nos proteger. A todos que nos dedicaram suas orações, muito obrigado!”, escreveu em seu Instagram.

Mesmo internado no hospital, Lins continua como prefeito de Osasco. Ele deve fazer contato com secretários e funcionários apenas por telefone ou internet, para evitar possíveis infecções.

Além do casal, a explosão também feriu mais três pessoas que acompanhavam o evento. Elas foram socorridas com ferimentos leves e liberadas em seguida.

A Polícia Civil investiga agora as causas e eventuais responsabilidades pelo acidente.

*Com informações da repórter Larissa Coelho