Projeto da Previdência dos militares será entregue ao Congresso no dia 20, garante Marinho

  • Por Jovem Pan
  • 15/03/2019 10h25
Reprodução/FacebookAo tratar de eventuais concessões para os militares no projeto da reforma, Marinho disse que o Congresso irá se debruçar sobre o tema

O secretário especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, afirmou nesta sexta-feira (15) que a proposta de reforma da Previdência dos militares será entregue ao Congresso no dia 20 de março.

A proposta, entretanto, ainda não foi finalizada e deve incluir um aumento no tempo de serviço e da contribuição dos militares.

Ao tratar de eventuais concessões para os militares no projeto da reforma, Marinho disse que o Congresso irá se debruçar sobre o tema: “agora, evidente que Congresso, por ser órgão soberano neste processo, vai se debruçar neste tema e até aprimorar. Se houver entidade que tenha algum benefício especial será preciso mostrar quanto isso vai custar e o que isso vai significar investimentos em casas populares e na saúde que serão suprimidos”.

A fala do secretário foi dada à Jovem Pan momentos antes do início de um seminário sobre a nova economia liberal, que tem como foco a reforma da Previdência, realizado nesta sexta no Rio de Janeiro.