Receita libera nesta sexta consulta a primeiro lote de restituições do IR 2020

  • Por Jovem Pan
  • 22/05/2020 06h25
Marcelo Casall Jr / Agência BrasilO diferimento de impostos, medida que beneficia contribuintes, somou, aproximadamente, R$ 35 bilhões

Nesta sexta-feira (22), a Receita Federal inicia a consulta do primeiro lote da restituição do Imposto de Renda 2020. Esse ano o órgão segue um novo cronograma de restituições, com o pagamento do primeiro lote no dia 29 de maio, iniciativa adotada para tentar amenizar os efeitos econômicos da pandemia da Covid-19.

A Receita divulgou na quinta-feira (21) queda de 29% na arrecadação federal em abril, o pior resultado para o mês desde 2006. De acordo com órgão, a base de comparação é a do mesmo período do ano passado, o que mostra o reflexo direto da pandemia. O diferimento de impostos, medida que beneficia contribuintes, somou, aproximadamente, R$ 35 bilhões.

Em abril, a arrecadação do governo chegou a R$ 101 bilhões e a crise também influenciou o resultado do acumulado do ano. De janeiro até o mês passado, entraram nos cofres públicos R$495, o valor mais baixo desde 2017.

O chefe do centro de estudos da Receita Federal, auditor Claudemir Malaquias, explica que as medidas de isolamento impactaram os números. Ele lembra que o governo adiou pagamento de impostos e promoveu desonerações. O chefe da Receita Federal cita ainda que as compensações tributárias cresceram no período.

O chefe do centro de estudos da Receita, Claudemir Malaquias, aponta crescimento de 25% nas compensações. O governo ainda não comenta se poderá ou não revisar as projeções de arrecadação para 2020.

*Com informações do repórter Renan Porto