Recuperação econômica será ‘robusta’ em 2020, diz ex-presidente do Bradesco

  • Por Jovem Pan
  • 03/12/2019 07h37
ESTADÃO CONTEÚDOSegundo Luiz Carlos Trabuco, Brasil deve receber muitos investimentos do setor privado

O presidente do Conselho de Administração do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, afirmou, nesta segunda-feira (2), que aposta em uma retomada robusta da economia brasileira em 2020. Segundo ele, a aceleração dos investimentos do setor privado no Brasil trás mais otimismo para a recuperação do país.

“O ano plantou bases importantes para 2020, numa retomada robusta da economia. A agenda de reformas está estabelecida, o crédito privado tem crescido a taxas acima de um dígito de tal sorte que o crédito, nesse final de ano, vai criar um carrego para o ano que vem, que significa crescimento econômico. E crescimento econômico é geração de emprego. Essa é a linha”, disse.

De acordo com ele, o crescimento deve acontecer mesmo com a desaceleração econômica mundial, puxada pela guerra comercial e protestos em diversos países. “O mundo, externamente, está passando por um ajuste. A América Latina vive, também, uma situação um pouco ambígua, mas o Brasil acaba sendo uma possibilidade de investimento que, talvez, o mundo não tenha um país com a potencialidade de investimentos como o Brasil”, ressaltou.

Cheque especial

Questionado sobre como o setor recebe a decisão do Banco Central (BC) de limitar a taxa de juros do cheque especial em 8% ao mês, Trabuco foi otimista. “As providências que o Banco Central adotou foi fazer uma reengenharia do cheque especial. O mercado vai se adequar e é positivo”, garantiu.

*Com informações do repórter Marcelo Mattos