Rio limita espaço para desfiles de mega blocos

  • Por Jovem Pan
  • 25/01/2020 11h19
ALLAN CARVALHO/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDOMega blocos foram transferidos para o centro do Rio

As novas medidas de segurança para os desfiles dos mega blocos do Rio de Janeiro vão criar uma espécie de “curral” para o Carnaval de rua em 2020. A Polícia Militar decidiu colocar grades de ferro nas vias de acesso as Avenida Presidente Vargas e Antônio Carlos, por onde vão passar os mega blocos e milhões de foliões.

O objetivo da fiscalização é evitar que pessoas entrem armadas nesse corredor de blocos e trios elétricos. Na tentativa de organizar melhor a festa de rua, os maiores blocos foram trazidos para o Centro, que costuma ficar vazio e ter mais espaço disponível, sem problemas com trânsito e com fácil acesso para os foliões.

Seis torres de monitoramento serão montadas pela PM para fiscalizar e visualizar os blocos do alto, evitando brigas e ações criminosas.

No fim do carnaval de 2019, o Fervo da Lud, da cantora Ludmilla, terminou antes da hora por conta de brigas e confusões. Na ocasião, mais de 200 pessoas passaram mal e precisaram de atendimento médico. A festa reuniu mais de 1 milhão de pessoas.

* Com informações do Repórter Rodrigo Viga.