RJ lança programa para facilitar adoção de animais durante a pandemia

  • Por Jovem Pan
  • 01/06/2020 06h34 - Atualizado em 01/06/2020 08h06
:TASSO MARCELO/ESTADÃO CONTEÚDOOs profissionais da Prefeitura do Rio conversam com os interessados para encontrar um bichinho que se adaptasse com mais facilidade ao seu futuro lar

A Prefeitura do Rio de Janeiro lançou um projeto para incentivar a adoção de animais durante o período de isolamento social.

Graças ao programa, a cadelinha Mabel, de três anos, finalmente saiu das ruas da cidade e encontrou um lar.  A escolha para adoção é feita através de fotos e vídeos nas redes sociais, como conta Adriana de Andrade, a nova dona da Mabel.

Os profissionais da Prefeitura do Rio conversam com os interessados para encontrar um bichinho que se adaptasse com mais facilidade ao seu futuro lar. Batizado de ‘Entrega Pet’, o programa já ajudou na adoção de 51 animais durante o mês de abril. Esse número representa um aumento de 50%, se comparado com a média mensal de adoções.

A veterinária, Cynthia Jasmin, considera que o crescimento da procura se deve à ansiedade provocada pela pandemia da Covid-19.

Para adotar cães e gatos, é preciso ter mais de 18 anos, enviar a identidade ou CPF e um comprovante de residência. Todo o processo de adoção é gratuito, desde as vacinas até a entrega em domicílio.

*Com informações da repórter Lívia Fernanda