Rossieli: 738 mil alunos serão atendidos pelo ‘Merenda em casa’

De acordo com o secretário de Educação do Estado, Rossieli Soares, o valor de R$ 55 começará a ser creditado na próxima quarta-feira (7)

  • Por Jovem Pan
  • 04/04/2020 10h39 - Atualizado em 04/04/2020 10h41
Governo de São PauloRossieli Soares, Secretário da Educação do Estado

O secretário de Estado de Educação de São Paulo, Rossieli Soares, informou em entrevista ao Jornal da Manhã, da Jovem Pan, neste sábado (4) que 738 mil alunos serão atendidos pelo programa Merenda em Casa a partir da próxima semana.

O programa vai depositar o valor de R$ 55 por estudante em um cartão e será disponibilizado às famílias para a compra de alimentos a partir da próxima quarta (8). Os repasses serão oferecidos enquanto as aulas seguirem suspensas nas escolas devido ao novo coronavírus.

“A primeira coisa que fizemos foi olhar quem mais precisa desse auxílio em toda a rede. Fomos atrás dos cadastrados no Bolsa Família e também em quem vive em situação de extrema pobreza, mas não está no Bolsa. Encontramos 738 mil estudantes nessas condições. E com os R$ 55 as famílias poderão comprar o que for necessário de alimentos para se manter. Os valores já estarão na conta dos alunos a partir da próxima quarta”. disse Rossieli.

O secretário ainda lembrou que os alunos poderão tanto transferir os valores pagos no cartão do Merenda em Casa para suas contas como pagar diretamente em supermercados.

“Essa é uma das formas de atuação do governo de São Paulo para combater a pandemia. Com o cartão, o aluno poderá transferir o dinheiro para conta ou pagar direto no mercadinho.”