Rússia promete contra-atacar caso EUA instalem armas nucleares na Europa

  • Por Jovem Pan
  • 21/02/2019 07h08
EFE/EPA/SERGEI CHIRIKOVPutin disse que a Rússia vai responder a qualquer instalação de armas nucleares dos Estados Unidos na Europa

O presidente russo, Vladimir Putin, se lançou em uma polêmica nesta quarta-feira (20). Em seu pronunciamento anual ao Parlamento, ele disse que a Rússia vai responder a qualquer instalação de armas nucleares dos Estados Unidos na Europa.

Isso porque os norte-americanos deixaram o acordo de desarmamento mútuo assinado em 1987.

Alegando violações da Rússia, Washington suspendeu suas obrigações com o Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário, o que lhe possibilita desenvolver novos mísseis com alcance de 500 a 5.500 km.

Ameaçado, Putin disse que se isso acontecer, ele vai contra-atacar, mirando não só os países que receberem esse armamento, mas o próprio Estados Unidos.

Nos comentários mais duros que já fez a respeito de uma nova corrida armamentista, Putin disse que a Rússia não quer um confronto e que não dará o primeiro passo na mobilização de mísseis em reação à decisão tomada pelo governo Trump.

*Informações do repórter Victor Moraes