São Paulo registra ao menos 201 casos de dengue apenas neste ano

  • Por Jovem Pan
  • 19/02/2019 06h12 - Atualizado em 19/02/2019 10h21
Venilton Kuchler/ANPr Em janeiro, o aumento de pessoas infectadas pelo vírus quase dobrou em relação ao ano passado

Em 2019, até o dia 12 de fevereiro, a cidade de São Paulo já havia registrado 201 casos de dengue. Em janeiro, o aumento de pessoas infectadas pelo vírus quase dobrou em relação ao ano passado. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (18) pela Secretaria Municipal da Saúde.

Em todo o ano de 2018, foram registrados 563 casos de dengue na Capital paulista, ante 866 em 2017. Segundo a Coordenadoria de Vigilância em Saúde, não foram registradas pessoas que contraíram os vírus da zika e da chikungunya, que também são transmitidos pelo mosquito Aedes aegypti.

Em relação à febre amarela, a Secretaria da Saúde afirma que não há casos de contaminação em humanos, mas confirma que a forma silvestre da doença está em circulação na cidade. No dia 8 de fevereiro, um macaco foi contaminado na região do Jardim Botânico e do Zoológico.

A Secretaria da Saúde destaca a importância da vacinação contra a febre amarela para todos os paulistanos com idade superior a 9 meses e que ainda não estejam imunizados. A cobertura contra a febre amarela chegou a 77% da população e a meta é atingir 95% de cobertura até maio.

No ano passado, foram confirmados 13 casos de febre amarela contraídos na cidade de São Paulo, que resultaram na morte de seis pessoas.

*Informações do repórter Afonso Marangoni